sexta-feira, 25 de dezembro de 2009

Lá vem o novo ano...

É ... esse parece ser o último post do BotaPontoNisso 2009. Mais um ano se passou, ficaram as recordações, as boas e as más, e o futuro ai pela frente.

O que esperar? Eu também não sei.... Muitas expectativas, desejos, compromissos, planos e dúvidas pelas frente.

Com tudo isso, posso dizer que o que mais preciso é de ESPERANÇA. Esperança de vitória, de dias melhores, de realizações, de conquista, de vida.

Ano passado eu escolhi preto, branco e vermelho, esse ano acho que preciso mais de branco que pra mim simbolizará equilíbrio, paz, mansidão e bem-estar comigo mesma.

Irei passar a virada (e o meu níver também) em um rancho no Pará. Espero que o ar limpo, pessoas diferentes, o som dos animais, a tranquilidade do local e as cachoeiras tragam uma ótima energia para sobreviver à 2010!

Tenho certeza que ao lado do nosso Pai dará tudo certo!

Fiquem com Deus.

sexta-feira, 18 de dezembro de 2009

Drunkorexia

Drunkorexia é um termo utilizado para mais uma variedade da anorexia. Geralmente acontece quando pessoas anoréxicas buscam inibir o apetite usando o álcool, mas também pode acontecer o contrário, o alcoólatra desenvolver transtornos alimentares.

A drunkorexia é uma mistura de comportamentos que envolve restrição alimentar, compulsão, vômitos e o consumo excessivo de álcool. As pessoas com este tipo de distúrbio passam fome para compensar as calorias do álcool que consomem ou quando exageram na comida e no álcool provocam vômito para eliminar os excessos.

Segundo pesquisadores, a drunkorexia costuma surgir em pessoas que já possuem algum trauma ou transtorno psicológico. O álcool costuma ser usado para aliviar a dor e a ansiedade causadas pela fome. A droga mais procurada por quem sofre de transtornos é o álcool.

É importante salientar um detalhe, um grama de álcool fornece 7kcal, o que é quase o dobro do valor calórico de um grama de carboidrato ou proteína, perdendo somente para a gordura que possui 9kcal por grama.

No Brasil não há estudos sobre a drunkorexia. Em outros países constataram que o uso de álcool entre pessoas com transtornos chega a ser maior do que entre pessoas saudáveis. Também observa-se que as chances aumentam em mulheres.

De acordo com alguns psicólogos os transtornos alimentares geralmente estão relacionados com a necessidade de entorpecer alguma dor emocional. Os distúrbios são muitas vezes conduzidos por traumas de infância como abuso sexual, negligência e outras fontes de angústia mental.

Por Roberta dos Santos Silva é nutricionista do site Cyber Diet e especialista em Atendimento Nutricional. Mais informações: http://vilamulher.terra.com.br/entenda-o-que-e-drunkorexia-11-1-70-198.html

segunda-feira, 14 de dezembro de 2009

Nada mais

"Hoje eu acordei com vontade de sumir do mundo.
De esquecer de tudo.
Até de você que já me fez feliz.
E se você dizia compreender...
Nada mais, tá tudo mudo.

Agora pra mim é deixa o tempo correr.
Você foi com ela, e nem disse tchau.
Não sou Cinderela mas vou estar feliz no final.

Magoou, amor o tempo passou, e levou com ele a minha paz.
Perdoa, amor se eu não posso ser se ela é muito mais".


Adoro cantar essa enquanto Flávia Alessandra sai na Playboy, Fiorella Mattheis apresenta o Vídeo Show e a Pecadora faz seu show com palavras.

É pra não entender mesmo.... A mulher de Latino está certíssima!

segunda-feira, 7 de dezembro de 2009

Faith


"Porém temos esse tesouro em vasos de barro, para que fique claro que o poder supremo pertence a Deus e não a nós.Muitas vezes ficamos aflitos, mas não somos derrotados. Algumas vezes ficamos em dúvida, mas nunca ficamos desesperados.Temos muitos inimigos, mas nunca nos falta um amigo.Às vezes somos gravemente feridos, mas não somos destruídos.
(...)Por isso nunca ficamos desanimados".
2 Coríntios 4:7-9

sábado, 5 de dezembro de 2009

Mais uma vez

Música que um interno do hospital cantou pra uma das estagiárias.
"Mas é claro que o sol vai voltar amanhã
Mais uma vez eu sei
Escuridão já vi pior de endoidecer gente sã
Espera que o sol já vem.

Tem gente que está do mesmo lado que você
Mas deveria estar do lado de lá
Tem gente que machuca os outros
Tem gente que não sabe amar
Tem gente enganando a gente
Veja a nossa vida como está
Mas eu sei que um dia a gente aprende
Se você quiser alguém em quem confiar
Confie em si mesmo
Quem acredita sempre alcança!

Mas é claro que o sol vai voltar amanhã
Mais uma vez eu sei
Escuridão já vi pior de endoidecer gente sã
Espera que o sol já vem.

Nunca deixe que lhe digam que não vale a pena
Acreditar no sonho que se tem
Ou que seus planos nunca vão dar certo
Ou que você nunca vai ser alguém
Tem gente que machuca os outros
Tem gente que não sabe amar
Mas eu sei que um dia a gente aprende
Se você quiser alguém em quem confiar
Confie em si mesmo
Quem acredita sempre alcança!

Quem acredita sempre alcança!
Quem acredita sempre alcança!
Quem acredita sempre alcança!
Quem acredita sempre alcança!
Quem acredita sempre alcança!
Quem acredita sempre alcança!
Quem acredita sempre alcança!"
Renato Russo

sábado, 28 de novembro de 2009

Insane Insight

Vim escrever alguma merda aqui e com certeza vão sair muitas. Eu adoro as minhas horas de merdas, daquelas bem fúteis mesmo! Acho que elas me fazem me sentir mais real, sabe? Tipo, futilmente humana. Muito bom ser uma pessoa culta, inteligente, educada, afinal foi pra isso que mamãe e papai pagaram mais de R$500 por mês numa escola particular e eu passava quase 15 horas estudando por dia pra entrar em uma universidade. Sem dúvidas valeu à pena! Só não consigo tolerar eu mesma podando meus momentos de futilidade! Arfff... acho que o espírito burguês é contagiante demais pro meu gosto.

(...)

Pequena pausa


[acabou o momento futilidade]


O curso que eu ia fazer hoje o dia todo terminou antes do previsto e eu fiquei sem previsão de atividades para tarde. O curso foi tão bom! Muito proveitoso pra mim ver a atuação de profissionais em outras regiões do país. Me lembra que existe chance de vida bem sucedida além do Maranhão. Thanks God! Hummm... Já perdi o ensaio mesmo e tive que remarcar a orientação de mono, então o que me resta? Estudar claro. Não vou reclamar que tem um milhão de coisas pra estudar, graças a Deus que a minha pesquisa bibliográfica me deu um bom resultado, mas é taaantaaa! Arrhhhh (acho que isso foi um grito desesperado). Ainda nem listei só de medo de ver a meta dessa semana.

Tá, agora vou listar pro meu próprio bem o que tenho que estudar. Desculpem, sei que isso não é conteúdo pra blog, mas como ele é meu eu coloco o que quiser hehehehehehehehehe HAHAHAHAHAHAHAHA Bom demais ter 'total' controle sobre alguma coisa na minha vida! Só espero que não me mandem pagar 16mil por estar escrevendo as besteiras que estão vindo na minha cabeça.

Meta que deve ser cumprida até sábado (05/12):

Capítulo 25: Hipocondria (Psicologia Médica)
Livro: Hipocondria (9 capítulos)
Livro: Corpo (Cap. 3 e 4, Conclusão)
Capítulo Hipocondria (Tratado de Psiquiatria)
Capítulo Hipocondria (Compêndio de Psiquiatria)
Aspectos psicológicos da dor (Psicossomática Teoria e Prática)
Capítulo 19: Somatização (J.N. prática psiquiátrica no hospital geral)
Capítulo 27: Transtorno de personalidade (Compêndio de Psiquiatria)
Artigo: Formas fabricadas (Volich)
Artigo: Doentes imaginários (Palmerini)
Artigo: Aspects of abnormal illness behavior (Pilowsky)
Artigo: As formas corporais do sofrimento (M. Helena Fernandes)
Artigo: Experiências adversas, cmpts de risco, queixas de saúde e preocupações modernas de saúde (Maia & Seabra)
Terminar de traduzir: Illness Behavior Questionnarie (IBQ)

Meta até 20/12
Um milhão de coisas do concurso que estarei gastando tempo digitando.


AI-MEU-DEUS-QUE-DESESPERO.
Agora vou me organizar!
Bye ;*

terça-feira, 24 de novembro de 2009

Teorizações Twilight

Tirei um tempo pra vim aqui. Meu querido blog está abandonado de idéias; as últimas três postagens foram "Ctrl C" + "Ctrl V", mas isso demonstra minha vontade, mesmo sem tempo, de atualizar meu cantinho.

Minha cabeça está cheia de coisas, o tempo passando, tarefas a cumprir, a pressão da monografia, as tão temidas decisões, o compromisso com o estágio, comissão de formatura, projetos pessoais... enfim! Não vou reclamar desse mundo de atividades, pois eu mesma escolhi isso. Dificilmente me acomodaria com uma rotina monótona. Gosto do desassossego, gosto do novo, da aventura, do desafio. Então, é isso! Tema da monografia difícil (coisas de sintoma!), pouquíssima bibliografia em português, o que me obriga e traduzir milhares de artigos, livros e etc. Mas como eu adoro tudo isso, meu corpo logo reage com uma imensa euforia (biologicamente: adrenalina) só em pensar nos projetos. É tanto entusiasmo que em alguns momentos preciso conectar à terra e voltar. Misturado com todo entusiasmo claro que tem o medo, e nessas horas de assombrosa desesperança que o planejado não dê certo eu sempre procuro meios de me libertar desse sentimento que poda tanto o ser humano.

É comum eu "fugir da realidade" com o cinema, livros, músicas. Como de costume, meus companheiros fiéis têm sido os livros. Quer dizer, os filmes também... hummm e as músicas também. Alguém já deve tá desconfiando do que eu estou falando, né!? Tá quase óbvio! Certo, certo... estou falando da saga-febre-terceira-maior-bilheteria-da-história-do-cinema-lider-por-mais-de-25semanas-consecutivas-na-The New York Times-bestseller-list. Ooooh PLEASE! Eu já disse, em outro post, de todas as minhas resistências em pensar que não gostaria da saga, mas simplesmente desprezar esse fenômeno mundial? Pra mim foi impossível.

Há uma semana terminei de ler o 4º livro - Amanhecer - e estou convivendo com a nostalgia esse tempo todo. Lua Nova está no cinema e ainda não fui vê-lo, estou deixando as fãs histéricas passarem pelo único cinema de SL (isso é uma crítica!) pra que eu possa apreciar o clássico. Aliás, já andei ponderando e realmente estou considerando que a saga tem a possibilidade de se transformar em um clássico. Talvez essa seja a verdadeira intenção da autora por trás de páginas tão bem escritas. E digo isso, não só pela citação recorrente da obra de William Shakespeare - Romeo e Julieta - , mas pela metáfora do amor impossível com o final feliz que todo mundo quer pra vida. Dessa vez os protagonistas Edward e Bella não tentam unir duas famílias, como Romeo e Julieta fizeram com suas mortes, mas unir dois mundos (claro, numa realidade fictícia) com um Ideal de amor.

Acredito eu que é esse Ideal de amor que está abastecendo a fúria sentimental de metade das mulheres do mundo inteiro. E diria que isso seria (pra mim) um renascimento do romantismo. Na verdade, uma resposta para as relações líquidas da modernidade. O ideal de um homem (desconsiderando que ele é um vampiro, pois acredito que isso realmente não importa em muita coisa nesse contexto) nascido em 1901 que 'vive' até hoje conservando seus valores e com adaptação bem moderna - cursa o colegial, valoriza a família, um ótimo estudante, músico, tem um carro super moderno e está disposto a te amar pela eternidade. Ahhhh pela'mordi'deus! Isso é o "mais-além" que toda mulher deseja.

Não precisa estudar Psicologia ou entender de Psicanálise pra ver que não se trata de um capricho adolescente. A escritora foi além! Tenho certeza que ela sabe disso. Ela impregnou o livro de valores que ela considera 'saudáveis' como ter relações sexuais somente após o casamento, por exemplo. Não só isso! Ela tocou no desejo de uma entrega sincera, de ausência de mentiras, de investimento no bem do outro... isso tudo é o que um dia todos os humanos idealizaram e que, na maioria das vezes, já foi quebrado por frustrações, decepções.

Com tudo isso, é bem óbvio que os leitores de todo o mundo não iam ficar satisfeitos em manter isso nas páginas de papel. O romance já alcançou as telonas e em grande estilo. O segundo filme, como já disse, conquistou a terceira maior bilheteria da história do cinema e está, pelos relatos que já ouvi, conquistando aos poucos o público masculino (mas desconfio que não seja por conta do romance e sim pelas cenas de ação e rivalidade entre as duas tribos que lutam pela fêmea).

Só tem um problema, os fãs ainda não se contentaram com as telonas e estão projetando o romance para a vida real dos atores. De fato, há indícios que essa projeção não foi feita só pelos fãs, mas pelos próprios atores também. Mas estou falando da 'perseguição' que os leitores estão fazendo ao suposto romance entre Kristen Stewart e Robert Pattinson. Essa identificação já ganhou até nome: ROBSTEN (http://robsten.com/). Acredito que isso seja perseguição a um desejo. O desejo de um amor imutável, metáfora que a autora faz com a condição dos vampiros.

Além desse investimento baseado no amor, espera, compreensão, confiança e entrega que envolve o romance de Edward e Bella, o livro traz outras lições de família, união, perdão, mudança, aceitação da condição diferente do outro, superação e escolhas, muitas escolhas. A autora consegue misturar suas idéias "românticas" à fantasia, magia de outro mundo que desperta o imaginário das coisas irreais, levando os leitores para outra dimensão - a dimensão Twilight.

Confesso que esse post está impregnado de paixão. Eu sou verdadeiramente apaixonada por outras realidades que não sejam a minha! Sorri, chorei, vibrei, prendi a respiração, fiquei imóvel enquanto os olhos corriam os parágrafos, finalmente... me apaixonei. Como sempre me apaixonando pelos personagens dos livros... convivo com alguns em minha memória até hoje.

É, esse post já está deveras longo e ainda não coloquei nem metade das idéias que formulei enquanto lia esses livros. Como diz uma de minhas comunidades, eu costumo formular minhas próprias teorias (sem desconsiderar outras, claro). Gosto de explicar as coisas do meu jeito, levando em consideração a forma como vejo os fatos. Por isso, não espero seguidores de idéias. Ainda vão vir muitos posts falando do tema. E o espaço está aberto para mais teorizações. Esse é o mais legal!

Beijos da mais nova 'FANpire' do pedaço! hehehe
;**

quinta-feira, 19 de novembro de 2009

Virtudes e Defeitos

Isso faz sentido pra mim...
AUTO-ESTIMA: "A auto-estima está relacionada, para James (1890), com o que o indivíduo pretende e o que alcança. Assim, se os sucessos percebidos pelo indivíduo forem iguais ou maiores que suas pretensões ou aspirações, a auto-estima será elevada. Contrariamente, se as pretensões excedem os sucessos, isto é, se a pessoa não for bem sucedida, nas suas aspirações, a auto-estima será baixa".

ESPELHO SOCIAL: "Confirmando e acrescentando a teoria de James, os interacionistas simbólicos enfatizam que as interações sociais contribuem para a formação e desenvolvimento da auto-estima. Dentre eles Cooley (1902) e Mead (1934) consideram o self como sendo uma construção social, formado por meio da interação com os outros. Para explicar esse conceito, Cooley (1902) adotou a metáfora do "espelho social" para descrever a auto-estima. Para ele, as pessoas que são significativas para o indivíduo, constituem um espelho social no qual o mesmo olharia para detectar opiniões a respeito do próprio eu, as quais são incorporadas, formando o self".

AUTOCONCEITO vs AUTO-ESTIMA: "Os trabalhos encontrados que abordam temas relacionados ao self utilizam uma variedade de termos entre os quais se destacam os construtos autoconceito e auto-estima. Alguns autores consideram que são dois aspectos psicológicos distintos e diferentes formas de avaliação do self. Assim, consideram o autoconceito como um componente fundamentalmente cognitivo e contextualizado da auto-avaliação, ou seja, o conhecimento que o indivíduo tem de si. Nesse sentido, difere-se da auto-estima que se refere a uma auto-avaliação mais descontextualizada, tendo um componente predominantemente afetivo (Hattie, 1992; Campbell & Lavallee, 1993 citados por Peixoto & Almeida, 1999)".

AUTO-IMAGEM: "Um outro construto importante e que deve ser distinguido é a auto-imagem. De acordo com Weiner (1998) a auto-imagem tem vários traços em comum com a auto-estima e isso leva, muitas vezes, a utilização desses termos como sinônimos. A partir disso, esse autor e também Sendín (1999) definem a auto-imagem como a visão que o individuo tem de si mesmo e a descreve a partir das percepções positivas ou negativas de suas características baseadas em dados reais ou imaginários".
AUTO-ESTIMA: "A auto-estima, ao contrário, está relacionado com o valor que indivíduo atribui a essa percepção, vinculada à valorização externa. Confirmando essa definição, Weiner (1998) considera que a auto-estima se refere às atitudes que os indivíduos têm em relação às suas qualidades e capacidades e, quando essa é adequada, promove auto-aceitação, auto-respeito e autoconfiança baseados numa avaliação realista. Nesse modelo de definição de auto-estima encontra-se o trabalho de Coopersmith, (1967) que define o construto como a avaliação que o indivíduo efetua e que normalmente mantém em relação a si mesmo e que por meio das suas atitudes de aprovação ou desaprovação indica o grau em que se considera capaz, importante e valioso. De acordo com esse autor, a formação da auto-estima está estreitamente ligada ao tratamento que a criança recebe no núcleo familiar".

"Vale ressaltar as considerações de Epstein e Morling (1995) que, baseados na teoria experiencial-cognitiva do self, citam dois sistemas de auto-avaliação, a avaliação explícita - a pessoa responde com um sistema racional e a implícita - o indivíduo responde com o sistema experiencial, que é primariamente não-verbal, emocional e imaginário".

terça-feira, 17 de novembro de 2009

"baby, I'm trying "

Lucky
Do you hear me, I'm talking to you
Across the water across the deep blue ocean
Under the open sky oh my, baby I'm trying

Boy I hear you in my dreams
I feel you whisper across the sea
I keep you with me in my heart
You make it easier when life gets hard

I'm lucky I'm in love with my best friend
Lucky to have been where I have been
Lucky to be coming home again
Oooohhhhoohhhhohhooohhooohhooohoooh

They don't know how long it takes
Waiting for a love like this
Every time we say goodbye
I wish we had one more kiss
I wait for you I promise you, I will

I'm lucky I'm in love with my best friend
Lucky to have been where I have been
Lucky to be coming home again
I'm lucky we're in love in every way
Lucky to have stayed where we have stayed
Lucky to be coming home someday

And so I'm sailing through the sea
To an island where we'll meet
You'll hear the music, feel the air
I put a flower in your hair

And though the breeze is through trees
Move so pretty you're all I see
As the world keep spinning round
You hold me right here right now

I'm lucky I'm in love with my best friend
Lucky to have been where I have been
Lucky to be coming home again
I'm lucky we're in love in every way
Lucky to have stayed where we have stayed
Lucky to be coming home someday

Ooohh ooooh oooh oooh ooh ooh ooh ooh
Ooooh ooooh oooh oooh ooh ooh ooh ooh
[Muito feliz com coisas boas acontecendo. Acho que essa música se encaixa bem pro momento. Fora que adoro essa baladinha com jeito havaino de ser. Meio Jack Johnson, mas é Jason Mraz)
;D

quinta-feira, 12 de novembro de 2009

Capricórnio

Uma amiga me mandou isso no email. Não acredito em signos, mas achei engraçado... Tudo bem, quase 100% verdade, mas eu não sou tão ambiciosa assim, pelo menos eu acho!

Capricórnio (22/12 - 19/1):

1. Frase: 'HOJE assumi o cargo de vice-diretor de uma empresa que ORGANIZAREI, e será sucesso daqui a 10 ANOS'. (realmente uma meta)
2. O que o capricorniano espera de seu parceiro: Busca um parceiro que seja equilibrado e que possa ajudá-lo a alcançar uma posição de destaque e de status na vida. A lealdade e o apoio são mais importantes para ele do que a paixão. (não, tem que ser DEFINITIVAMENTE apaixonado também!)
3. O que o capricorniano diz depois do sexo: 'Você tem cartão de visitas?' (que insulto!)
4. Como irritar um capricorniano: Organize tudo para que se sintam inúteis. (com certeza!)Lembre-os de sua baixa posição social. Embarace-os em público: faça escândalos, berre com eles. (eu morro!) Deixe-os esperando, nunca chegue na hora marcada. (agora eu mato?!)
5. Como o capricorniano reza antes de dormir: 'Querido Pai, eu estava indo rezar, mas acho que devo descobrir as coisas por mim mesmo. Obrigado de qualquer forma.' (hahahaha o instinto governador de sua própria vida realmente é muito forte)
6. Por que o capricorniano atravessou a rua? Porque foi pechinchar nas lojas do outro lado. (han?)
7. Você foi assaltado e o capricorniano.... 'Quanto levaram??' (que exagero...)
8. Adesivo para o vidro do carro do capricorniano: 'Tenho tudo que amo, e trabalho muito para ter mais ainda' (hahahahaha sem comentários)
9. Quantos capricornianos são necessários para trocar uma lâmpada? Nenhum. Capricornianos não trocam lâmpadas - a não ser que seja um negócio lucrativo.
(=P)

Mandem os signos de vocês que posto nos blogs. Beijos ;**

terça-feira, 10 de novembro de 2009

Frenetic Amnesic

Ahhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhh
Tenho que escrever alguma coisa! Esses milhares de pensamentos frenéticos tem que sair da minha cabeça para que alguma coisa a mais consiga entrar! Ainda tenho que estudar a discussão do Pequeno Hans e os Sonhos de Dora! HOJE! E já são 20h.
Esses dias acelerados não contribuem pra minha concentração. Na verdade fico tão concentrada em fazer todas as coisas planejadas (é, eu sei, meio obsessivo) que não consigo deixar de me concentrar em todas as coisas que estão ocorrendo em minha volta, o que eu tenho que fazer amanhã e depois, e depois, e depois... frenético!
Cabeça dói, nuca dói, costas doem... Terrible!
Vou começar do começo. Estágio de manhã: nunca tive tanta coisa pra fazer em tão pouco espaço de tempo hoje lá no estágio e o pior, quando estava dando a hora de sair, tentamos finalizar uma tarefa e, por conta da lentidão de uma máquina não deu certo. Saí do estágio com o sentimento de dever não cumprido. Isso é péssimo pra mim. PÉSSIMO!
Saí de lá e fui pagar as milhares de contas, sol quente, entra e sai, sobe e desce, muitos procedimentos, filas, impaciência, CALOR, TPM ... (eu estava fervendo por dentro e por fora) Ai já viu, né! Sorte que meu ANJO (hahahaha) Gustavo estava lá comigo me ajudando, ficando em uma fila e outra enquanto eu em outras. Isso ajudou muito! Estou devendo essa pra ele. Quando olhei pro relógio: 14h! MEU DEUS! Minha análise 15:30! Corre pra cá, pra lá... Não ia dá tempo de ir em casa... (muito frustrante isso!). Tive que almoçar fora e não tinha como tomar um banho nem pra esfriar a cabeça. Hunf!
(...) A análise. Falei tanto que minha cabeça ficou doendo. Acho que o silêncio será menos prejudicial mais vezes hehehe
Then, passei na casa de Paulinha, joguei um pouco de conversa fora e quando me espantei 18h! Droga! O trânsito! Tinha me esquecido dele... agora já era! Pra acalmar... Debussy (já sabem né? hehehe). Segundo Pedro, garota de educação européia: aulas de ballet, de piano e chá da tarde HAHAHAHHAHA
Chegando em casa nada melhor que um banho, massagem de água na cabeça, no pescoço, costas... relaxante. Adoro meus banhos relaxantes. Depois, a parte tensa: a conta de todos os débitos: os pagos e os não pagos. Arff isso me arrasa. É a vida. E depois, organizando todos os livros, textos, artigos, cadernos, agendas... deixando tudo no ponto de estudar. Vim pro blog esvaziar a cabeça, desacelerar!
Acho que funcionou! Muita coisa pra entrar na cabeça e agora e menos meia hora pra tudo isso.
Fui!

sábado, 7 de novembro de 2009

Leave out all the rest

I dreamed I was missing.
You were so scared,
But no one would listen
'Cause no one else care.

After my dreaming,
I woke with this fear.
What am I leaving,
When I'm done here?

So if you're asking me,
I want you to know:

When my time comes
Forget the wrong that I've done,
Help me leave behind some
Reasons to be missed.
And, don't resent me,
And when you're feeling empty
Keep me in your memory,
Leave out all the rest

Leave out all the rest...

Don't be afraid
Of taking my beating.
I've shared what I'd made.

I'm strong on the surface,
Not all the way through.
I've never been perfect,
But neither have you.

So if you're asking me,
I want you to know:

When my time comes
Forget the wrong that I've done,
Help me leave behind some
Reasons to be missed.
Don't resent me,
And when you're feeling empty
Keep me in your memory,
Leave out all the rest

Leave out all the rest...

Forgetting,
All the hurt inside
You've learned to hide so well.

Pretending,
Someone else can come
And save me from myself.
I can't be who you are.

(Linkin Park)

quarta-feira, 4 de novembro de 2009

Pesadelo



"Não haviam zumbís, ou fantasmas, ou psicopatas. Não havia nada, na verdade. Só o nada. Só o labirinto sem fim de árvores cobertas de musgos, tão quietas que o silêncio batia quase insuportavelmente nos meus ouvidos. Estava escuro, como neblina ou um dia nublado, com luz suficiente apenas pra que eu visse que não havia mais nada lá pra ver. Eu me apressava na escuridão sem um caminho, sempre procurando, procurando, procurando, ficando mais frenética enquanto o tempo passava, tentando me mover mais rápido, apesar da velocidade me deixar mais desajeitada... Então chegava aquele ponto no sonho - e eu podia sentí-lo chegando agora, mas eu não parecia ser capaz de me acordar antes dele chegar - quando eu não conseguia me lembrar o que eu estava procurando. Então eu me dava conta de que não havia nada pra procurar, e nada pra encontrar. Eu me dava conta de que nunca houve nada além dessa floresta vazia, melancólica, e nunca houve nada além disso pra mim... nada além de nada..." (p.70)

quinta-feira, 29 de outubro de 2009

Confesso!

Confesso que estou lendo Crepúsculo!
Confesso que estou adorando...
Confesso que não sou muito de seguir as modinhas dos livros que todo mundo sai lendo adoidado, mas depois de tanta mídia...
Confesso que fiquei curiosa (então lá vou eu, vamos experimentar!)
Ai...
Confesso que estou sem tempo para ler alguma coisa que não seja Psicologia então...
Confesso que estou usando os meus 30 minutos de antecedência que chego no estágio (7:30am) para ler o livro.
Confesso que no primeiro dia já tinha lido mais de 50 páginas!
É...
Confesso que já tinha visto o filme com algumas amigas e acredito que, por isso, consegui me adaptar rapidamente à história do livro, dando imagem e vida as personagens na minha mente.
Confesso que o personagem de Edward Cullen não conquista só a Bella hehehe
Confesso que depois que acabar Crepúsculo vou engatar Lua Nova
Confesso que tenho que terminar Lua Nova antes que o filme chegue ao cinema.
É...
Confesso que vou ao cinema ver Lua Nova
Confesso que estou me sentindo uma traidora por ainda não ter terminado a série Delírios de Consumo e ter lido Crepúsculo antes da 5ª Avenue, mas sei que Becky Bloom vai me perdoar. Tenho certeza que ela também iria adorar Crepúsculo hehehe
Confesso que realmente eu fico apaixonada pelos personagens dos livros, principalmente quando eles são tão complexos e estranhos como Becky, Edward e Bella.
Confesso que adoro romances, até os mais esquisitos (como esse)
Confesso que tenho inveja dessa autora... Como ela consegue pensar uma saga tão fantástica?
Hunf...
Confesso que fico triste quando termino de ler os livros.
Confesso que adoro ler.
Ahhh....
Chega de confessar!

sábado, 24 de outubro de 2009

Doutores da Alegria =)

Essa semana inteira estive envolvida na Jornada de Psicologia Hospitalar. Atuar em hospitais é um grande projeto meu, um sonho, uma paixão. Do 3º ao 6º período fiz estágio no HU-Materno Infantil e esse estágio realmente fez a minha cabeça. Trabalhar no hospital não é fácil! Lidar com o sofrimento do OUTRO e com o SEU em estar vivenciando o sofrimento de outra pessoa que vive a vulnerabilidade naquele momento (algo que todos nós estamos sujeitos) realmente é muito difícil. Mas meu papel como Psicóloga é estar ali, não necessariamente ter respostas, mas estar ali... ouvir, acolher, ajudar o outro a lidar com sua nova condição de vida, sendo de uma doença, uma internação. O papel é estar disposto a RESGATAR a condição humana.


E disposição foi o que encontrei nos Doutores da Alegria - os besteirologistas. Ontem no encerramento foi nos passado o documentário do trabalho deles (http://www.youtube.com/watch?v=EtpGqzI9OIg&feature=PlayList&p=4A7F6F0D3573D2DB&index=8) que já está em DVD (o link é um vídeo do YouTube que fala do documentário). Eu conhecia os Doutores do Riso, um projeto que tem aqui em SL no H. Aldenora Bello, mas o trabalho dos Doutores da Alegria é FANTÁSTICO! Trouxe um pouco da história do Projeto.


É uma projeto que atua no Rio de Janeiro, São Paulo e Recife em 12 hospitais ao todo e conta com 37 artistas. "O programa de visitas a hospitais é o pulso dos Doutores da Alegria. Em 1991, quando tudo começou, a idéia de atores-palhaços brincando de ser médicos para interagir com pacientes hospitalizados era vista com resistência. O trabalho baseia-se nos valores e princípios que norteiam a própria interação do palhaço dos Doutores da Alegria com a criança. O palhaço entra, provoca, cria uma ligação de confiança através da graça, faz borbulhar o ambiente e segue seu caminho. Assim, os Doutores da Alegria implementam em cada hospital um programa que, aos poucos, passa a ser do próprio hospital, na medida em que o ambiente assimila a função do palhaço e os profissionais de saúde percebem que as relações que constroem com as crianças internadas podem ser ainda melhores, inclusive mais leves".

É um misto de Arte, Vida, Alegria, Respeito, Responsabilidade, Amor pelo próximo, inclusive quando se tratam de crianças hospitalizadas. "O hospital é o cruzamento da rotina com o imprevisível. Do mesmo com o inusitado. Da mesmice com a urgência. Do tédio com a iminência da morte. E o trabalho dos Doutores passa por essa 'esquizofrenia'. Entre a repetição e a eterna descoberta".

Esse trabalho é mais do que essencial! As crianças reagem ao estímulo 'alegria' e os resultados são excelentes. Vou deixar a página oficial do projeto e o blog. Já é uma idéia que mora no meu coração.

quinta-feira, 22 de outubro de 2009

A alma dança

A dança e a alma

A dança? Não é movimento
súbito gesto musical
É concentração, num momento,
da humana graça natural

No solo não, no éter pairamos,
nele amaríamos ficar.
A dança-não vento nos ramos
seiva, força, perene estar
um estar entre céu e chão,
novo domínio conquistado,
onde busque nossa paixão
libertar-se por todo lado...

Onde a alma possa descrever
suas mais divinas parábolas
sem fugir a forma do ser
por sobre o mistério das fábulas

Carlos Drummond de Andrade


"... e que seja perdido o dia em que não se dançou uma única vez."
Nietzsche
ps. essa é a foto mais perfeita do mundo!

domingo, 18 de outubro de 2009

Comunidade 1

Será um tributo às minhas comunidades.


And the Oscar goes to:

Odeio pessoas efusivas



- Sorrisos demais.

- Abraços demais.


- Conversas demais.


- Detalhes demais.


- Perguntas demais.


- Proximidade demais.



Tudo isso sem a menor intimidade.


Tudo uma grande falsidade!

sábado, 17 de outubro de 2009

Far away

Nessas horas queria que meu blog fosse só meu... falar em silêncio é chato.
Medir palavras, encontrar sinônimos, podar a linguagem.
Enfim, vim falar em silêncio.
Lábios serrados, sem palavras, respiração pouca, coração apertado... angústia.
Angústia do não dito, do não explicado, do imposto, do desconsiderado.
O que vc sente quando alguém quebra um trato!?
Pra mim, então, sobra o silêncio, a angústia, a raiva, as lágrimas, a solidão, a ausência.
Nascem pensamentos de momento que fazem todo sentido.
Os olhos são abertos para o não visto.
A mente para o que não se quer acreditar.
Um misto de raiva, angústia, decepção...
Entendo minha vontade de estar tão longe, tão afastada, tão despreendida...
Algumas pessoas precisam de distância... acho que eu preciso sempre.
Estar em um lugar que não conheço ninguém, onde não preciso dialogar, onde desconheçam de mim, sem envolvimentos... i need keep away, so far away.
Away...
awa...
aw...
a...
....

quinta-feira, 15 de outubro de 2009

Email (in)DESEJADO! Será!?

Clico! Não Clico. Clico! Não clico.

(...)

Clico! Não Clico. Clico! Não clico.
Clico! Não Clico. Clico! Não clico.
Clico! Não Clico. Clico! Não clico.
Clico! Não Clico. Clico! Não clico.
Clico! Não Clico. Clico! Não clico.

Fiz jus à minha neurose.

quarta-feira, 14 de outubro de 2009

New look

Descobrindo mais coisas nessa internet.

Essa semana foi o Ym!

Minha avatar estava com a mesma roupa desde 2005!

Ó Jesus! Can't believe!

New look, right now!

quarta-feira, 7 de outubro de 2009

Outubro Rosa

Esse mês é rosa! Nesse mês meu blog terá um charme especial... o rosa! E não é capricho não. Trata-se de uma causa nobre! Esse mês foi escolhido como mês de combate ao câncer de mama. Quem trabalha em hospitais ou tem contato com pessoas que sofrem com o câncer de mama entende os reais prejuízos físicos e psicológicos que permeiam esse tema, considerando a importância e a representação social que a mama feminina tem na sociedade em que vivemos. Então, nada mais justo que lembrar a todos os blogueiros do Brasil, e principalmente as blogueiras, de entrarem nessa campanha também.

O Outubro Rosa é um projeto desenvolvido pela FEMAMA (Federação Brasileira de Instituições Filantrópicas de Apoio à Saúde da Mama) e tem o objetivo de alertar e orientar sobre a importância da detecção precoce do câncer de mama, ressaltar a relevância da mamografia e prestar informações sobre a saúde da mama e contribuir para erradicação do câncer de mama como uma doença que ameaça a vida.

O projeto consiste em ações como iluminação de monumentos históricos que já passou pela Torre de Pisa na Itália, o Arco do Triunfo na França e pelo nosso querido Cristo Redentor (no último dia 5). O ápice da campanha acontece amanhã, quinta-feira, dia 8, quando será estimulado o uso do laço alusivo à campanha e vestir roupas cor-de-rosa.

E como não podia deixar de ser, Reese Witherspoon (rosamente e eternamente Elle Woods) representa muito bem essa campanha! A atriz esteve vestida em um quimono rosa em um evento em Tóquio colaborando coma causa.


Aqui vão algumas dicas para 'estar rosa' esse mês:
- Pendure panos, faixas ou um laço cor-derosa em sua fachada, sacada, janelas;
- Prepare um jantar para seus amigos e coloque à mesa toalha e guardanapos cor-de-rosa;
- Enfeite seu carro com fitas cor-de-rosa na antena, no retrovisor ou no chaveiro;
- Vista-se de cor-de-rosa, crie um detalhe no seu figurino, um lenço, uma fita ou um cachecol amarrado à bolsa ou à mochila;
- Use e abuse do rosa no seu site, blog, Twitter, Orkut ou Facebook;
- Fale com outras pessoas sobre a importância do autocuidado e da detecção precoce do câncer de mama;
- Se você tem tempo disponível, contribua, seja voluntária da causa ao lado de entidades e grupos de apoio à saúde da mama.



Beijos a todas, façam auto-exame das mamas e muito rosa esse mês!

segunda-feira, 5 de outubro de 2009

CIÚME

Quer ententer o que leva uma pessoa a ter ciúme e o que mantém esse comportamento?

Então, venha participar do mini-curso

Ciúme: uma possibilidade de interpretação analítico-comportamental‏


Psicóloga Profª Drª Nazaré Costa


20 e 21 de outubro de 2009


O tema ciúme é extremamente relevante pois permeia imporatntes questões ligadas à atividade do psicológo, especialmente na terapia individuais e de casais, na terapia infantil, na compreensão e intervenção diante da violência doméstica e até na atuação nas organizações.


Mais informações
in_formandose@hotmail.com

segunda-feira, 28 de setembro de 2009

Eu protesto!

Aaaaaahhhhh! Post de música que adoro cantar quando tô com vontade de reclamar de alguma coisa! Dessa vez foi uma visita a uma sorveteria super famosa que não tinha UM sorvete sequer desprovido de lactose! quefulerageméessa? Até a birosca aqui perto de casa tem! ARRFF! Da próxima eu vou na tabuna do Altas Horas protestar contra tais sorveterias! Os alérgicos também têm direitos!

Dinamitaram meu sonho de vez
Subverteram meu céu
Quando você me contou de um tal mau Hermano burguês
Que pouco fez do jeito que a voz suingou
Ninguém nasceu no tom
Ninguém nasceu pop ou romance
No meu quintal, eu sambo,
Sim e posso ser quem sou

A pele é livre pra colar
É o som que vibra em qualquer lugar

Deixa a música te levar
Sente o som livre em você
Sou daqui de nenhum lugar
Leve a música pra viver
Pra dançar com você

Se nessa mistura preciso beber
Indiferente à pureza que alguém inventou
Gritar em um bom português
Que eu posso ser branquela de origem nagô
Quem tem um certo dom
Quem tem na veia o sangue brown
No meu sarau me viro assim
E posso ser quem sou


[Marjorie Estiano]

quarta-feira, 23 de setembro de 2009

últimas news!

Depois de passar a tarde todo na frente do pc resolvendo os pormenores do mini-curso que minha comissão de formatura está promovendo, resolvi vim postar qualquer besteira por aqui.

Então, ai está o que eu ando aprontando desde que cheguei de viagem.
1. de volta ao estágio (ps. minha cadernetinha Jolie nova. So cute!)



2. níver de 15 anos da prima Rayssa (eu e Guga)

3. lendo o livro 'base' da minha mono.



4. organizando o mini-curso que eu falei lá em cima!


5. comendo um horror de coisas doces




6. e curtindo as boas lembranças da viagem!

segunda-feira, 21 de setembro de 2009

Parte 1 - Rio

Bem, há uma semana pisei em SL de volta de uma viagem inesquecível! Já viajei um 'tantinho' nessa vida, mas não tive viagem melhor que essa. Várias contingências contribuiram pra isso tudo... as sensações são indescritíveis! Enfim... tento, desde segunda passada, escrever alguma coisa nesse blog referente à viagem, mas não saaaaaiiiiiiiii! A verdade é essa! NÃO SAI!
Já tentei organizar meus pensamentos, tentar criar uma ordem lógica e começar e escrever, já procurei fotos, escutei músicas e nada! Não encontro as palavras pra falar, então vim aqui escrever do quanto quero falar disso e não encontro as palavras pra dizer. Diante disso, resolvi postar as sensações (aos pouquinhos) de algumas coisas que vivi por lá.
Essa é a primeira. O porquê dela ser a primeira eu tb não sei... só sei que foi extremamente reforçadora pra mim. Ela chama Não é proibido - Marisa Monte. E a foto é do Lapa 40º. Esse novo rit da Marisa tocava muuuiiitoo por lá! E eu adorei (super transferência com a balada).
Lá vai

Jujuba, bananada, pipoca,
Cocada, queijadinha, sorvete,
Chiclete, sundae de chocolate,

Uh!

Paçoca, mariola, quindim,
Frumelo, doce de abóbora com coco,
Bala juquinha, algodão doce e manjar.

Uh!

Venha pra cá, venha comigo!
A hora é pra já, não é proibido.
Vou te contar: tá divertido,
Pode chegar!

(uh)
Vai ser nesse fim de semana (uh)
Manda um e-mail para a Joana vir (uh)
Woo.. Uh!

(uh)
Não precisa bancar o bacana (uh)
Fala para o Peixoto chegar aí! (uh)

Traz todo mundo, 'tá liberado, é só chegar.
Traz toda a gente, 'tá convidado, é pra dançar,
Toda tristeza deixa lá fora; chega pra cá!
(uh)
E por enquanto, é só! Depois, quem sabe, eu posto mais...

segunda-feira, 14 de setembro de 2009

"(...)escuto o silêncio que há em mim e basta, outro tempo começou pra mim agora".

segunda-feira, 31 de agosto de 2009

Musicoterapia!

Olhando a programação do congresso hoje vi o tanto de trabalho com o tema 'Musicoterapia'. Fiquei pensando como eu me sairia em uma terapia dessa... Depois, absorta em meu desassossego, esqueci da tal terapia.
Então, a seguinte situação me aparece: hoje a tarde com milhões de coisas pra resolver e meu sono estava imperando em minha mente. Mal conseguia raciocinar! Desse jeito mesmo, lá fui eu de volta às mil da UFMA, morta de mal humorada (sono=mau humor)! A cada sinal, congestionamento, lá ia o carro para 'ponto-morto+freio-de-mão=tolerância zero comigo mesma'.
Então tive a idéia de ouvir as músicas que tinham em meu pen drive (...)passei Stacie Orrico, Elas cantam Roberto, Victor Léo, Norah Jones, Cláudia Leite e, enfim, uma introdução silenciosa começou a tocar... fiquei mecanicamente escutando enquanto meu pensamento ia longe.
De repente ... "7:15 eu acordo E começo a me lembrar do que ainda não me esqueci, do que tenho pra falar. Todo dia é assim: Tempo quente, pé na estrada. Tô seguindo o meu caminho, já parti pro tudo ou nada. Será que todo dia vai ser sempre assim? Será que todo dia vai ser sempre assim?". HAHAHAHAHAHHAHAAHAHAHAHHA Essa foi minha reação! Sorri! Sorri do meu próprio mau humor. (Enquanto isso: "Quero iniciativa e um pouco de humor pra peleja da minha vida. Ser feliz, se assim for. Tô correndo contra o tempo e agora não posso parar. Por favor, espere a sua vez, certamente ela virá") Transferência total com a música! 2ª reação: aumentar o som! 3ª reação: cantar allltoooooo "Nessa horas, eu me lembro com saudades de você dos amigos que eu ainda não fiz e de tudo que ainda há. Tô fazendo a minha história e sei que posso contar com essa fé que ainda me faz otimista até demais: Que bom que todo dia vai ser sempre assim! Que bom que todo dia vai ser sempre assim!"
Pronto! Caso encerrado! Oops. (nananinanão) Em algumas terapias após a intervenção vem o 'follow up' e foi isso. O follow up dizia o seguinte "Vivemos esperando dias melhores, dias de paz, dias a mais, dias que não deixaremos para trás (...) Vivemos esperando o dia em que seremos melhores, melhores no amor, melhores na dor, melhores em tudo (...) Vivemos esperando o dia em que seremos para sempre. Vivemos esperando (...) Dias melhores pra sempre (Pra sempre!)"
Lalálálá... Resumindo: cheguei na UFMA 'sorrindo-da-silva', sem ressentimentos. Acho até que dá até pra apresentar um relato de 'auto-caso' no próximo congresso HAHAHAHAHAHA.
That's it! Curtam 'musicoterapia', sempre!

sábado, 29 de agosto de 2009

Isn't it ironic?

An old man turned ninety-eight
He won the lottery and died the next day
It's a black fly in your Chardonnay
It's a death row pardon two minutes too late
Isn't it ironic... don't you think?

It's like rain on your wedding day
It's a free ride when you've already paid
It's the good advice that you just didn't take
And who would've thought... it figures

Mr. Play It Safe was afraid to fly
He packed his suitcase and kissed his kids good-bye
He waited his whole damn life to take that flight
And as the plane crashed down he thought
"Well, isn't this nice."
And isn't it ironic ... don't you think?

It's like rain on your wedding day
It's a free ride when you've already paid
It's the good advice that you just didn't take
And who would've thought... it figures

Well life has a funny way of sneaking up on you
When you think everything's okay and everything's going right
And life has a funny way of helping you out when
You think everything's gone wrong and everthing blows up
In your face

A traffic jam when you're already late
A no-smoking sign on your cigarette break
It's like ten thousand spoons when all you need is a knife
It's meeting the man of my dreams
And then meeting his beautiful wife
And isn't it ironic... don't you think?
A little too ironic.. and yeah I really do think...

It's like rain on your wedding day
It's a free ride when you've already paid
It's the good advice that you just didn't take
And who would've thought... it figures

Well life has a funny way of sneaking up on you
And life has a funny, funny way of helping you out
Helping you out

sexta-feira, 28 de agosto de 2009

quarta-feira, 26 de agosto de 2009

Calvin and Haroldo

Tal semelhança é mera coincidência.

(o que mamãe me desmentiria, claro hehehe)

é só por isso que sou fã dele!

sexta-feira, 21 de agosto de 2009

Por que minhas manhãs são revigorantes.

Em toda minha vida foram poucas as manhãs que passei em casa. Na infância e adolescência eu estudava pela manhã e durante quase toda a minha graduação minhas manhãs foram ocupadas por estágio, projetos e etc (e ainda são).
No meu projeto de vida sempre me imaginei inerte em uma calmaria. Não sei se isso é uma necessidade inconsciente ou simplesmente algo que faça parte da minha constituição, mas minha idéia de investimento de tempo, por exemplo, é estar sentada em um banquinho distante no meio do campo escrevendo algum livro que um dia seria publicado.
Hoje quando acordei (quer dizer, fui acordada por uma voz que eu amo demais - a de Guga) que abri as janelas, fui até minha varanda, olhei esse sol lindo, senti uma brisa super agradável, todo esse sentimento descrito acima me envolveu tão intensamente! Respirei profundamente pra que toda aquela harmonia se internalizasse em mim e nunca mais saísse. Que delícia.
Assim REdescobri que eu adoro minhas manhãs em casa. Que adoro acordar cedinho, abrir minhas janelas, sentir o sol ainda 'frio', tomar café assistindo programas matinais (Adoro Ana Maria Braga e o Jornal da manhã) na minha cama ainda bagunçada, fazer um alongamento nas minhas costa e pescoço, respirar profundamente enquanto faço isso, fazer minha check list descrevendo todos os horários a cumprir (e só tenho até às 9h40min pra ficar na net), adoro seguir minhas próprias regras de manhã.
É estranho, mas é como se eu estivesse mais viva, mais intensa, como se meu espírito estivesse em plenitudo. Os bons planos vêm à mente: ter minha casa no 'campo' (estilo a casa do filme 'A proposta'), escrever um livro, me dedicar à aulas de alongamento e dança pela manhã a um grupo de idosos.. tantos, tantos planos! São todos eles esquecidos em meu 'Desassossego' e pela manhã parece que o desassossego ainda está adormecido. Sonho em ele permanecer assim... pra sempre. Assim, menos desassossegada e mais viva nas minhas manhãs em casa.

quinta-feira, 20 de agosto de 2009

Originalidade.

Odeio cópias!
Que me copiem, que me plagiem
Com tanto asco viro até poeta

Oh povinho sem estilo.
Adora seguir isso
Aquilo
Até que acham a semelhança perfeita
E pronto!
Grudam.

Joguinho aqui e ali.
Arrgghh
Asco de novo
Sempre uma vantagem

Exibição reina.
Patentea a massa
Não
Patentea (...)*

Lalalalala
cópia
cópia
cópia

Tradução?

O Aurélio diz
Mas trarei o antônimo!

O.R.I.G.I.N.A.L.I.D.A.D.E
Que provém da origem
O que tem caráter próprio
Que não imita
Novo

Maybe you have to
Take a breath
and
Live
Experience
Allow yourself
And finally
(...)
You'll have more bag
To build your own
Than you'll satisfied in you soul
Having such perfect each moment
Not just something lost in a evening past

And so... it's
(Just get something off one's chest)

quarta-feira, 19 de agosto de 2009

IV Semana Maranhense de Dança

Não postar a programação desse evento é até um pecado!

Vamos prestigiar. And let's dance!

IV Semana Maranhense de Dança

Onde: Teatro Arthur Azevedo ,Teatro João do Vale, Teatro Alcione Nazaré, Ballet Olinda Saul e Centro de Criatividade Odylo Costa Filho- São Luís

Tema “Corpos em Diferentes Movimentos”

Atrações:
Espetáculos de Dança
Cursos de Dança
Oficinas de Dança
Grupos de Dança
Companhias de Dança
Professores de Dança
Palestras e Exposições
Bailarinos nacionais e internacionais

Ritmos de dança:
do Clássico ao contemporâneo, passando pelo jazz, street, dança popular e afro

Entrada Gratuita

PROGRAMAÇÃODA SEMANA DE DANÇA MARANHENSE 2009
Datas, locais e horários
17 de agosto - Abertura Oficial e espetáculo "Labirinto dos Poros" - Teatro Arthur Azevedo - 21 horas
18 de agosto - Espetáculo "Alma Nova" - Teatro Alcione Nazaré - 19:00 horas
Espetáculo "O Corpo é a Midia da Dança?" - Teatro Arthur Azevedo - 20:00 horas
Lançamento do Livro "Dança de Rua - Corpos para além do movimento" - Teatro Arthur Azevedo - 20:00 horas
19 de agosto - Espetáculo "Hem, heim. Foi assim que eu quis e é assim que eu sou feliz" - Teatro Alcione Nazaré - 19:00 horas
Espetáculo "Dúbbio" - Teatro Arthur Azevedo - 21:00 horas
20 de agosto - Espetáculo "Origens" - Teatro Alcione Nazaré - 19:00 horas
21 de agosto - Espetáculo "Labirinto dos Poros" - Teatro Arthur Azevedo - 21:00 horas
22 de agosto - Espetáculo "Sobre Ossos e Robôs" - Teatro Alcione Nazaré - 18:00 horas
Espetáculo "Coreológicas Recife" - Sala Olinda Saul - 19:00 horas
23 de agosto - Espetáculo "3 Solos em um tempo" - Teatro Alcione Nazaré - 18:00 horas
Espetáculo "Tempos Fragmentos" - Teatro João do Vale - 19:00 horas

Saindo da rotina pra viver mais.


Esse artigo saiu no jornal O Estado de São Paulo. Achei super interessante. Aproveitem.
O cérebro humano mede o tempo por meio da observação dos movimentos. Autor: Airton Luiz Mendonça

Se alguém colocar você dentro de uma sala branca vazia, sem nenhuma mobília, sem portas ou janelas, sem relógio... você começará a perder a noção do tempo.


Por alguns dias, sua mente detectará a passagem do tempo sentindo as reações internas do seu corpo, incluindo os batimentos cardíacos, ciclos de sono, fome, sede e pressão sanguínea.


Isso acontece porque nossa noção de passagem do tempo deriva do movimento dos objetos, pessoas, sinais naturais e da repetição de eventos cíclicos, como o nascer e o pôr do sol.


Compreendido este ponto, há outra coisa que você tem que considerar:


Nosso cérebro é extremamente otimizado.


Ele evita fazer duas vezes o mesmo trabalho.


Um adulto médio tem entre 40 e 60 mil pensamentos por dia.


Qualquer um de nós ficaria louco se o cérebro tivesse que processar
conscientemente tal quantidade.


Por isso, a maior parte destes pensamentos é automatizada e não aparece no índice de eventos do dia e portanto, quando você vive uma experiência pela primeira vez, ele dedica muitos recursos para compreender o que está acontecendo.



É quando você se sente mais vivo.

Conforme a mesma experiência vai se repetindo, ele vai simplesmente colocando suas reações no modo automático e 'apagando' as experiências duplicadas.

Se você entendeu estes dois pontos, já vai compreender porque parece que o tempo acelera, quando ficamos mais velhos e porque os Natais chegam cada vez mais rapidamente.

Quando começamos a dirigir automóveis, tudo parece muito complicado, nossa atenção parece ser requisitada ao máximo.


Então, um dia dirigimos trocando de marcha, olhando os semáforos, lendo os sinais ou até falando ao celular ao mesmo tempo.


Como acontece?

Simples: o cérebro já sabe o que está escrito nas placas (você não lê com os olhos, mas com a imagem anterior, na mente); O cérebro já sabe qual marcha trocar (ele simplesmente pega suas experiências passadas e usa , no lugar de repetir realmente a experiência).


Ou seja, você não vivenciou aquela experiência, pelo menos para a mente. Aqueles críticos segundos de troca de marcha, leitura de placa são apagados de sua noção
de passagem do tempo.

Quando você começa a repetir algo exatamente igual, a mente apaga a experiência repetida.


Conforme envelhecemos as coisas começam a se repetir - as mesmas ruas, pessoas, problemas, desafios, programas de televisão, reclamações, -.... enfim... as experiências novas (aquelas que fazem a mente parar e pensar de verdade, fazendo com que seu dia pareça ter sido longo e cheio de novidades), vão diminuindo.


Até que tanta coisa se repete que fica difícil dizer o que tivemos de novidade na semana, no ano ou, para algumas pessoas, na década.


Em outras palavras, o que faz o tempo parecer que acelera é a...


ROTINA



A rotina é essencial para a vida e otimiza muita coisa, mas a maioria das pessoas ama tanto a rotina que, ao longo da vida, seu diário acaba sendo um livro de um só capítulo, repetido todos os anos.

Felizmente há um antídoto para a aceleração do tempo: M & M (Mude e Marque).


Mude, fazendo algo diferente e marque, fazendo um ritual, uma festa ou
registros com fotos.

Mude de paisagem, tire férias com a família (sugiro que você tire férias sempre e, preferencialmente, para um lugar quente, um ano, e frio no seguinte) e marque com fotos, cartões postais e cartas.


Tenha filhos (eles destroem a rotina) e sempre faça festas de aniversário para eles, e para você (marcando o evento e diferenciando o dia).


Use e abuse dos rituais para tornar momentos especiais diferentes de momentos usuais.


Faça festas de noivado, casamento, 15 anos, bodas disso ou daquilo, bota-foras, participe do aniversário de formatura de sua turma, visite parentes distantes, entre na universidade com 60 anos, troque a cor do cabelo, deixe a barba, tire a barba, compre enfeites diferentes no Natal, vá a shows, cozinhe uma receita nova, tirada de um livro novo.


Escolha roupas diferentes, não pinte a casa da mesma cor, faça diferente.


Beije diferente sua paixão e viva com ela momentos diferentes.


Vá a mercados diferentes, leia livros diferentes, busque experiências diferentes.


Seja diferente.


Se você tiver dinheiro, especialmente se já estiver aposentado, vá com seu marido, esposa ou amigos para outras cidades ou países, veja outras culturas, visite museus estranhos, deguste pratos esquisitos..... em outras palavras...... V-I-V-A. !!!


Porque se você viver intensamente as diferenças, o tempo vai parecer mais longo.


E se tiver a sorte de estar casado(a) com alguém disposto(a) a viver e buscar coisas diferentes, seu livro será muito mais longo, muito mais interessante e muito mais v-i-v-o... do que a maioria dos livros da vida que existem por aí.


Cerque-se de amigos.


Amigos com gostos diferentes, vindos de lugares diferentes, com religiões diferentes e que gostam de comidas diferentes.


Enfim, acho que você já entendeu o recado,
não é?

Boa sorte em suas experiências para expandir seu tempo, com qualidade, emoção, rituais e vida.

E S CR EVA em

tAmaNhos
diFeRenTes e em CorES di f E rEn tEs !

CRIE, RECORTE, PINTE, RASGUE, MOLHE, DOBRE, PICOTE, INVENTE, REINVENTE


V-I-V-A!!!!!!!!!!!


BeIjOS mAi Marques

terça-feira, 18 de agosto de 2009

Tomara-que-caia-valendo!

Uma rápida passagem pelo blog para mostrar a tendência do tomara que caia no verão!
Achei as dicas super fofas e resolvi compartilhar! (créditos para C&A)

(Clique para ampliar)
O vestido tomara que caia é sempre bem vindo e nesse calorzão do nosso Mará ele é essencial.
O pretinho básico, o estampado, o listrado, o tafetá social são todos apaixonantes.

E fico aqui torcendo para que ele caia! heheheh (it's a joke! ;P)

Beijos e queijos ;*

domingo, 16 de agosto de 2009

Paródia!

Adorei a paródia! Hehehehe ;D

Bêbado sem cαchαçα.
mendigo sem αsα.
sou eu assim sem você!

guevαrα sem boinα.
Bob Mαrley sem mαconhα.
sou eu assim sem você!

céu sem αvião.
mônicα sem sαnsão.
sou eu assim sem você!

jerry sem o tom.
bαrbie sem bαtom.
sou eu assim sem você!

rαpunzel sem trαnçα.
Maicon jαckson sem criαnçα.
sou eu assim sem você!

pobre sem piolho.
mαssα sem o molho.
sou eu assim sem você!

time sem goleiro.
mαconheiro sem isqueiro.
sou eu assim sem você!

sαbonete sem pentelho.
mulher sem espelho.
sou eu assim sem você!

tony rαmos sem pêlo.
fαgundes sem cαbelo.
sou eu assim sem você!

pαgode sem bαr.
emo sem αll stαr.
sou eu assim sem você!

quαdrα sem bolα.
rum sem cocα-colα.
sou eu assim sem você!

diαbo sem quevedo.
lulα com 10 dedos.
sou eu assim sem você!

computαdor sem internet.
solineuzα sem mαrinete.
sou eu assim sem você"

sexta-feira, 14 de agosto de 2009

Link

O link do TWITTER: http://twitter.com/maimmarques .
Vou indo que hoje não foi dia fácil, na verdade os preparativos da viagem estão me deixando exausta.
Dores nas costas + Tensa + Estágio + Correria + Mil coisas pra fazer + Sandália desconfortável ...
Hunf
= Bed early!

quinta-feira, 13 de agosto de 2009

Mai no Twitter!

Ok, não queria mais uma coisinha nessa net pra me entreter. Mas com as meninas buzinando no meu ouvido pra fazer esse tiwtter e pronto! Está feito... estou meio sem tempo de postar coisas novas e ainda estou configurando o tiwtter (vai ser bm mais fácil postar do celular). Quando estiver protinho eu posto como Feed aqui.

Beijos ;*

quarta-feira, 12 de agosto de 2009

FORA SARNEY!

Recebi esse email de uma amiga e resolvi postar. Ontem mesmo estava pensado na desesperança que a Maria Rita Kehl falara em seu seminário semana passada. Uma desesperança paralisante... descrétido, descrença, nojo, desprezo, desesperança... Sentimentos eliciados por pronunciamentos proferidos pelo "DONO DO MARanhão". Inacreditável a lambança que toda a política brasileira se encontra. Será que ainda assim sobrevive o orgulho de ser brasileira??? Não sei....
"Se não fiz qualquer coisa de errado ao longo de minha vida pública, não esperaria 55 anos para fazer agora. Nunca me meti em qualquer coisa errada."José Sarney (PMDB-AP), presidente do Senado

"Nós sabemos que antigamente se dizia que o Adhemar de Barros era ladrão, que o Maluf era ladrão. Poderiam ser ladrões, mas eles são trombadinhas perto do grande ladrão que é o governante da Nova República". (Lula sobre Sarney, em 1987, num discurso em Aracaju).

"O presidente Sarney não pode ser tratado como uma pessoa comum. Ele tem biografia". (Lula, no mês passado)



Atenção, a Passeata Nacional contra Sarney vai acontecer no próximo dia 15 de agosto, a partir das 14h, e quem comparecer deve levar uma máscara cirúrgica, como as usadas para se proteger da "gripe suína", escrita com a frase "Fora Sarney!"

Confira os locais das manifestações:

* São Paulo - MASP
* Rio de Janeiro -Posto 6, Copacabana (em frente à rua Souza Lima)
* Porto Alegre - Arco da Redenção
* Belo Horizonte - Praça Sedte
* Salvador - Av Garibaldi
* Londrina - Calçadão em frente ao Banco do Brasil
* Florianópolis - Trapiche da Beira Mar Norte
* Recife - Avenida Conde da Boa Vista, em frente ao shopping Boa Vista
* Curitiba - Largo da Ordem 9 (onde ocorre a feira de domingo)
* Vitoria - frente ao Shopping Vitória
* Natal - Praça vermelha
* Goiânia - Praça Universitária
* São Luís - Praça João Lisboa (saída às 13h)
* Brasília - Congresso Nacional


Movimento Nacional ao estilo Fora Collor, só que dessa vez contra outro ex-presidente.
Fora Sarney, será o mote deste movimento que acontecerá simultaneamente em várias capitais (São Paulo, Porto Alegre, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Salvador, Brasília, Goiânia, Maringá, Londrina, Curitiba, Vitória e Recife) do Brasil no próximo dia 15/08/2009 sábado a partir das 14:00 horas e que já está tendo apoio de milhares de pessoas pelo país através de blogs, twitter, sites, revistas e jornais.
Na cidade de São Luís a campanha se realizará na praça João Lisboa a partir das 09:00 horas da manhã.
A campanha Fora Sarney mostra a insatisfação do povo brasileiro diante de tanta corrupção descarada e nefasta que atrasa e mancha a dignidade deste país.
Semelhante ao movimento que apeou Collor do poder quando foi presidente, Fora Sarney , vai pedir pela saída deste Senador que tornou-se o ícone da malversação do dinheiro público e cinismo político.

terça-feira, 11 de agosto de 2009

triiiiii feliizzzz \o/

Galerasssssssss estou RADIANTE!
Olha só isso aqui vai ser 'purassociaçãolivre'. Estou alegríssima (isso existe?) que meu trabalho foi aceito !!! Eu soube disso ontem, mas caiu a ficha nesse instante!!! Vou apresentar um trabalho no CONGRESSO BRASILEIRO DE PSICOLOGIA HOSPITALAR! E eles classificaram nosso trabalho como COMUNCAÇÃO ORAL (nós esperávamos um mísero -carinhoso- painel!).
Aiiihhnnnn... revisar toda a pesquisa, AQUELE banco de dados enoormeee e de volta ao SPSS (programa de estatística 'piralouco'). É isso ai!!! Começou minha carreia nacional HAAHAUAHAUAHA
Ai que feliz!
Beijos e tchau feliz!
hihi (rindo sozinha)
hi =P

sábado, 8 de agosto de 2009

Mil coisas em um Post.

Ainh... fazendo trabalho braçal! Scaneando sei lá quantas mil fotos pro 15 anos da minha prima e meu Compêndio meu esperando ali...

Então enquanto isso... Listening

" Bum bum be-dum bum bum be-dum bum
What's wrong with me?
Bum bum be-dum bum bum be-dum bum
Why do I feel like this?
Bum bum be-dum bum bum be-dum bum
I'm going crazy now
Bum bum be-dum bum bum be-dum bum

No more gas in the rig
Can't even get it started
Nothing heard, nothing said
Can't even speak about it
All my life out of my head
Don't want to think about it
Feels like I'm going insane
Yeah

It's a thief in the night
to come and grab you
It can creep up inside you
and consume you
A disease of the mind
It can control you
It's too close for comfort

Put on your green lights
We're in the city of wonder
Ain't gonna play nice
Watch out, you might just go under
Better think twice
Your train of thought will be altered
So if you must faulter be wise

Your mind is in disturbia
It's like the darkness is the light
Disturbia!
Am I scaring you tonight?
Your mind is in Disturbia
Ain't used to what you like
Disturbia! Disturbia!

Bum bum be-dum bum bum be-dum bum
Bum bum be-dum bum bum be-dum bum
Bum bum be-dum bum bum be-dum bum
Bum bum be-dum bum bum be-dum bum

Faded pictures on the wall
It's like they're talkin' to me
Disconnectin' yours calls
The phone don't even ring
I gotta get out
or figure this shit out
It's too close for comfort

It's a thief in the night
to come and grab you
It can creep up inside you
and consume you
A disease of the mind
It can control you
I feel like a monster

Release me from this curse
I'm trying to remain tame
But I'm struggling
You can't go
I think I'm going to "


Musiquinha bem animada refletindo meu estado de espírito today!!! Ensaio jajá (iupiii!) só não quero me lembrar de sábado passado que fizemos tanta 'macaquice' que fiquei malllzz... toda dolorida.... Enfim, depois de gastar todas as calorias no ensaio, churrasco de Juju que foi chamada pra Medicina \o/ e depois niiighht! Hoje se me permitirem eu danço todas! Dance Dance Dance!

Ahhhh e eu não podia deixar de comentaaarrr! Ameeeiii a reviravolta na novela! (estou falando de Caminho das Índias) Estou fascinada com os personagens! Eu não sou muito de ver TV e as novelas geralmente eu enjoo! Nunca acompanhei uma novela como essa! Claro que mais do que justificável! A novela fala do que estudo! E tô super fã dos personagens! Bruno Gagliasso aarraaaasssaaaaa!!!!! Gente, eu faço visitas aos Hospitais Psiquiátricos, que estudo os comportamentos e reações... está perfeito!!!! Fico babando. Outro personagem super rico que considero é a "Mortiça Adams". A Inês dá um show de humanidade! Com o estilo 'bizarro' qualquer pessoa que a olhasse na rua lhe chamaria de doida (até eu!), mas a personagem mostra imensa autenticidade e compreensão dos fatos... acho que 'loucamente sensata' a definiria. Mas agora a Melissa Cadoreeee.. gente! Pelamordi! o que Cristiane Torlone estudou ou em quem ela se baseou pra fazer essa personagem??? Estou encantada com os mecanismos de defesa que ela usa!!! A capacidade que ela tem de esconder os sentimentos e manipular as situações negando o que não lhe é conveniente foi muito bem trabalhado. Adorei quando ela passou a perna na Ivone 'a psicopata'. Sinal de que onde tem um doido, tem outro pior hehehe Sem falar na Sabatela está sendo 1000!
Então é isso. Virei consultora de novelas agora hehehe
Beijos ;*